Itália celebra os 156 anos da Unidade Nacional PDF Imprimir E-mail

O presidente da Itália, Sergio Mattarella, fez um discurso pedindo união e força para os italianos no dia em que o país começa a celebrar os 156 anos da Unidade nacional.   


“Celebrar a Unidade do País é uma ocasião de festa e de compromisso comum para tornar nosso país mais unido e mais forte, condição de um desenvolvimento sólido, igualitário e sustentável e uma contribuição, como país-fundador, à União Europeia para que ela supere as dificuldades atuais”, destacou Mattarella em seu discurso.   


“Celebramos hoje, há 156 anos da Unidade, as nossas raízes e, com elas, a atualidade daqueles valores de coesão nacional, de liberdade, de democracia que constituem energias vitais permanentes para a sociedade e para o país”, acrescentou.   


O mandatário lembrou ainda da “força e vontade” dos italianos para superar “difíceis e dramáticas passagens” da história durante sua história. “Aquele espírito de ressurgimento voltou a viver na luta pela libertação do nazifascismo e expressou-se em nossa Constituição democrática”, disse ainda.   


Mattarella ainda depositou uma coroa de flores no Altar da Pátria, em Roma, ao lado do primeiro-ministro, Paolo Gentiloni, dos presidentes do Senado, Pietro Grasso, e da Câmara dos Deputados, Laura Boldrini, da ministra da Defesa, Roberta Pinotti e do chefe do Estado Maior da Defesa, general Claudio Graziano.   


Ao fim da celebração, o monumento romano foi sobrevoado por jatos das Forças Aéreas que tingiram o céu com as cores da bandeira da Itália.

AddThis Social Bookmark Button