Premier italiano pede "despertar europeu" após Brexit PDF Imprimir E-mail
O primeiro-ministro da Itália, Paolo Gentiloni, divulgou um comunicado afirmando que a saída do Reino Unido da União Europeia deve ser uma ocasião para o “despertar” do bloco.   


Lembrando dos 60 anos dos Tratados de Roma, que fundaram a Comunidade Europeia, o premier disse que a UE sabe como encontrar as “razões da própria identidade” nos momentos de dificuldade”.   


“A Itália trabalhará para que o choque do Brexit seja a ocasião para um despertar europeu”, escreveu Gentiloni, garantindo que seu país terá “espírito amigável” nas negociações sobre os termos do rompimento.   


“Nossas prioridades serão a confiança no futuro da UE e em sua unidade em relação a Londres e a defesa dos nossos interesses

nacionais, seja no plano econômico, seja naquele dos direitos adquiridos por nossos concidadãos na Grã-Bretanha”, salientou. 

AddThis Social Bookmark Button