Querer fazer carreira na Igreja é verdadeira praga, diz Papa Francisco PDF Imprimir E-mail

Durante um encontro com a comunidade do Pontifício Colégio Espanhol São José, o papa Francisco afirmou que o "carreirismo", ou seja, querer fazer carreira religiosa, é uma verdadeira "praga" na Igreja Católica.

"Fujam do carreirismo! É a verdadeira praga da Igreja. O diabo sempre entra pelos bolsos", disse aos religiosos. O discurso de Francisco foi centrado na formação do clero e o Pontífice destacou que é preciso "amar com todo o coração", isto é, "significa fazê-lo sem reservas e sem pedidos, sem interesses escusos e sem procurar o sucesso pessoal". 

Classificando o amor constante como "um desafio permanente", Jorge Mario Bergoglio ressaltou que não é possível crescer na caridade sozinhos e que é preciso "viver e ser o coração de uma comunidade, de modo que é preciso pedir a ajuda do Senhor e do Espírito Santo".

AddThis Social Bookmark Button