Festival di San RemoMúsica Italiana

Após “vazamento” de música, Festival de Sanremo nega exclusão de Gianni Morandi

Os fãs de Gianni Morandi foram pegos de surpresa quando um vídeo postado em sua conta do Facebook mostrava a canção que ele levará ao Festival de Sanremo, Apri Tutte Le Porte, escrita por Jovanotti.

Pelo regulamento da competição, as músicas devem permanecer em sigilo – parcial e totalmente – até a primeira noite do festival, sob pena de exclusão.

Com o precedente aberto por Fedez e Francesca Michielin – que tiveram um trecho de Chiamami Per Nome filtrado no ano passado, a direção da RAI anunciou nesta terça-feira que o veterano não terá qualquer tipo de punição e classificou o evento como “erro técnico”.

“Não vemos razões para excluir a música por se tratar de um simples incômodo técnico, devido à necessidade de Morandi de usar uma imobilização na mão direita por conta das várias operações sofridas após o acidente ocorrido há alguns meses”, diz o comunicado da emissora. “O impedimento ao movimento da mão causou o erro pelo qual Morandi colocou na rede os bastidores que assistia em particular. Morandi nunca recorreu a gestores de redes sociais para gerir o seu perfil no Facebook e por isso cometeu o erro técnico”.

Após o ocorrido, Gianni Morandi ligou imediatamente para o diretor artístico Amadeus para se desculpar. Depois, o artista de 76 anos publicou um pedido de desculpas em suas redes sociais.

“Eu errei ao postar inadvertidamente um vídeo no Facebook com fragmentos da música que tenho que cantar em Sanremo. Eu insisto em fazer sozinho, mas sou realmente um desajeitado! Assim que percebi, apaguei, mas alguém já tinha visto”, escreveu o astro. Ele ainda avisou que sua esposa ficará responsável por suas redes a partir de agora.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios